Rosácea

 Foliculite
10/03/2015
Alopecia androgenética
10/03/2015
Show all

Rosácea

  • Rosácea é uma doença crônica que afeta 10% da população, sendo mais comum em mulheres de pele clara em torno dos 30 a 60 anos de idade e nos homens quando acometidos, a doença se manifesta mais grave e resistente.

 

  • Ocorre uma vasodilatação intermitente ou permanente dos vasos sanguíneos da face, ocasionando um vermelhidão, inchaço e uma inflamação na pele do rosto. Além da face, pode acometer a região ocular, pescoço, colo e couro cabeludo.

 

  • A Rosácea na região ocular deixa os olhos secos, com sensibilidade à claridade e avermelhados, em casos graves leva a cegueira. Os sintomas podem ser parecidos com a conjuntivite ocular.

 

  • A face apresenta como sintomas vermelhidão, telangectasias (vasos de pequenos calibre), pústulas, sensação de ardor e formigamentos, nariz com coloração avermelhada devido a formação de pústulas podendo evoluir com o aumento do volume do nariz, onde pode ser visto nas bochechas, pálpebras, fronte e orelhas.

 

  • As causas não são totalmente esclarecidos porem fatores Genéticos;

– Alterações hormonais e emocional;

– Alteração extrema de temperaturas;

– Exposição excessiva ao sol;

– Ingestão de álcool;

– Tabagismo;

– Medicamentos vasodilatadores e/ou fotossensibilizantes;

– Exercício físico;

– Alimentos muito quentes e termogênicos (que aumentam a temperatura do corpo).

 

  • Não causa riscos a saúde física, mas a saúde emocional pode ficar abalada.

 

  • O tratamento depende da gravidade da doença e não tem cura, objetivando aliviar os sintomas e controle das manifestações.

 

  • O tratamento para rosácea pode ser realizado via tópica (cremes e loções de uso local), sistêmica (medicamentos oral), ou cirúrgica (laser, luz intensa pulsada, eletrocirurgia, etc).

 

  • O Dermatologista deve ser consultado para indicar o melhor tratamento da doença, pois esta pode ser confundida com a acne, e quando mal diagnosticado, ácidos e outros tratamentos podem agravar a doença.

 

  • A prevenção da rosácea se deve ao uso de filtros solares, evitar banhos longos em piscina térmica e banhos quente, evitar estresse e bebidas alcoólicas, assim como alimentos muito quentes e apimentados.

 

Imagem8 Imagem9

Agência Digital em Florianópolis