Vitiligo

Micoses unhas, pele e cabelo
10/03/2015
Dermatite atópica
10/03/2015
Show all

Vitiligo

  • É uma doença de pele não contagiosa que se caracteriza pela perda da cor da pele, onde a diminuição ou ausência dos melanócitos (células responsáveis pela produção de melanina, ou seja, o pigmento responsável pela cor da pele) formam as lesões.

 

  • A doença é de causa desconhecida, porém acredita-se que fatores auto imunes estejam relacionado com a sua etiologia, além de estresse físico, emocional e traumas podem também estar relacionado ao inicio da doença.

 

  • A doença caracteriza-se por manchas de cor branca (hipercrômicas), que podem acometer qualquer segmento da pela. As lesões podem ser localizadas, segmentar (unilateral), bilateral ou ate acometer todo o tegumento.

 

  • Além da pele, os pelos também podem ser acometidos, o que se chama de poliose.

 

  • A doença pode aparecer em qualquer época da vida, em ambos os sexos. A doença pode estar associada a outras doenças autoimunes: doença de adisson, doenças autoimune da tireoide, anemia perniciosa, outras doenças autoimunes da pele como dermatite atópica e psoríase.

 

  • O diagnostico é clinico, sendo feito por um médico dermatologista. A lâmpada de wood, pode auxiliar ao diagnóstico, onde a lesão fica com um aspecto nacarado ao ser visualizado. Caso seja necessário ou haja dúvida no diagnóstico, pode-se ainda ser solicitado biopsia de pele.

 

  • O tratamento do vitiligo deve ser feito pelo especialista de doenças de pele (dermatologista). Cada caso deve ser individualizado, e os resultados podem variar entre cada paciente.

 

  • Existem diversas formas de tratamento para o vitiligo, as vezes havendo a necessidade de combinar tratamentos. Opções como cremes tópicos, medicamentos sistêmicos (via oral), fototerapia, cirurgia e enxertos cirúrgicos são as modalidades de tratamento disponíveis. É muito importante a procura de ajuda médica logo no inicio da doença.
Agência Digital em Florianópolis